ABERTA A EXPOSIÇÃO “PASSOS DE MARIA” DA ARTISTA MARI BUENO NO MUSEU DA MISERICÓRDIA EM VISEU – PORTUGAL

10273436_620559341369279_4006247345001795534_n
“PASSOS DE MARIA” | Mari Bueno
De 15 de Agosto a 16 de Novembro

O Museu da Misericórdia realiza desde sexta-feira, dia da Assunção de Nossa Senhora, a exposição “Passos de Maria”, da artista brasileira Mari Bueno.
Através das 13 obras expostas, na técnica óleo sobre tela, o visitante acompanha os principais momentos da vida de Maria, segundo a narrativa bíblica, desde a Anunciação à Coroação como Rainha do Céu e da Terra.
A artista plástica Mari Bueno é formada em Arte Sacra e Espaço Litúrgico Celebrativo pelo ITESC (Instituto de Teologia de Santa Catarina), pós-graduada em Arte Sacra e reside há 34 anos na cidade de Sinop, Mato Grosso, na região amazônica. No momento está trabalhando num grande projeto de pinturas de arte sacra, apoiado pelo Ministério da Cultura do Brasil, motivo que a impediu de estar presente na inauguração.

10603763_683804145044798_7846634942437628659_n Realizou exposições e foi premiada no Brasil e em outros países, com 19 premiações na Itália, França, Alemanha, Suíça, Inglaterra, EUA, Portugal e Egito, tendo participado também de três exposições no Museu do Louvre em Paris, na França, onde ganhou menção honrosa. E foi premiada em duas bienais, Itália e Inglaterra no ano de 2013. Em Portugal, esta mostra foi realizada no Museu de Arte Sacra e Etnologia de Fátima, enquadrada no projeto “Maria, discípula missionária”.
Buscando na história da igreja e na arte cristã primitiva a inspiração para que a arte sacra atinja o seu verdadeiro sentido, entende a autora que “o objetivo da arte sacra não é decorativo, mas sim estar ao serviço da liturgia dentro do espaço sagrado e auxiliar na oração e catequização”.

A artista sente-se muito honrada por a sua exposição, vinda do Museu de Arte Sacra e Etnologia de Fátima, enquadrada na mostra “Maria, discípula missionária”, poder ser apreciada no Tesouro da Misericórdia de Viseu.

Este tema, representado pela autora numa expressão estética original, vem ao encontro dos objetivos do Museu da Misericórdia, que, depois de se abrir a novas linguagens artísticas (como nos casos das mostras de Yuraldi Puentes e de Carina Martins), proporciona com a presente exposição o despertar para uma dimensão artística intercultural e internacional.

10626669_681970098561536_2645220327423570866_n
O diretor do Museu, Henrique Almeida, sublinhou a oportunidade da data de abertura da exposição e a disponibilidade da artista Maria Bueno, cuja obra tem sido reconhecida e premiada em terras brasileiras. “A dinâmica do intercâmbio cultural expressa também a ligação histórica entre Brasil e Portugal. Nos últimos anos, tem crescido o número de brasileiros ou lusodescendentes que visitam o museu” – acrescentou.

Até 16 de Novembro, na Galeria de Exposições Temporárias!

* Museu da Misericórdia foi premiado pela APOM, em 2011, com a distinção – menção honrosa – de melhor museu português.

Página 1 de 212